Sexta-Feira, 15 de Dezembro de 2017
ir para a home do blog enviar email ir para página anterior ir para página seguinte
 
 
adicionar aos favoritos | área reservada
  Este é o blog da FialhoFerro, Lda. Saber mais Quem somos Serviços Contactos
 
 

Arquivo do mês de Agosto, 2008

Medalha de Ouro para Portugal Terça-feira, 26 de Agosto, 2008
Nélson Évora conquistou para Portugal a medalha de ouro em Triplo Salto. Parabéns a ele e a todos os atletas que, este ano em Pequim, se esforçaram para levar o nome de Portugal mais alto!

Parabéns Vanessa Fernandes! Segunda-feira, 18 de Agosto, 2008

A 1ª medalha nos Jogos Olimpicos de Pequim vem para Portugal nas mãos da fabulosa triatleta Vanessa Fernandes.

A “Fialho Ferro, Lda” não pode deixar de assinalar este grande momento e, em nome de todos os portugueses, agradecer com orgulho a óptima representação que Vanessa Fernandes fez de Portugal.
(foto retirada do site oficial de Vanessa Fernandes)

(foto retirada do site oficial de Vanessa Fernandes)

Análise dos resultados dos Inquéritos de Satisfação de Clientes Segunda-feira, 18 de Agosto, 2008
“Satisfação dos clientes relativa ao atendimento da “FialhoFerro, Lda”

 

Na sequência da emissão dos inquéritos de avaliação de satisfação de clientes da “FialhoFerro, Lda”, procedemos agora à análise das respostas relativas ao atendimento e aos produtos/serviços executados pela empresa.
Relativemente ao atendimento podemos concluir que a “Fialho Ferro, Lda” satisfaz os clientes na medida em que, a maioria das respostas foram “Satisfeito” e “Muito Satisfeito”. Assim, 37,5% dos clientes que responderam ao inquérito afirmam estar satisfeitos com o atendimento da “Fialho Ferro, Lda”, dando nota 3 numa escala de 1 a 5. A mesma percentagem respondeu estar muito satisfeito com o atendimento da empresa, dando uma nota de 4. Podemos ainda perceber que 18,75% dos clientes que responderam ao inquérito estão completamente satisfeitos com o nosso atendimento, dando uma nota de 5. 6,25% dos clientes que responderam ao inquérito não assinalaram esta resposta. O gráfico mostra-nos que os itens considerados negativos “Nada Satisfeito” e “Pouco Satisfeito” não apresentam qualquer resposta.

“Satisfação dos clientes relativa ao serviços / produtos executados pela “FialhoFerro, Lda”

 Relativamente aos produtos / serviços executados e mais uma vez pela a análise das resposta dos clientes da “Fialho Ferro, Lda”, concluímos que em média, estão muito satisfeitos havendo 37, 5 % de respostas com nota 4.

31,25% dos clientes responderam ao que estão satisfeitos com os produtos/serviços executados pela empresa (nota 3) e a mesma percentagem de clientes está completamente satisfeita (nota 5). De salientar que nesta área não tivemos qualquer avaliação negativa (abaixo de 3), como mostra o gráfico.
 
 

Migas com lascas de bacalhau assado Sexta-feira, 1 de Agosto, 2008

Ingredientes para 4 pessoas:
2 postas altas de bacalhau
água
1,5 dl de azeite virgem extra
4 dentes de alho 
Para as migas:
1 couve galega
1 dl de azeite virgem extra
4 a 5 dentes de alho
300 g de miolo de broa
1 chávena de chá de arroz cozido

Preparação:
  Ferva as postas de bacalhau durante 5 minutos. Retire com uma escumadeira e enxugue bem as postas.
  Ponha uma chapa ao lume e deixe aquecer bem. Pincele as postas de bacalhau com azeite e ponha a assar sobre a chapa.
  Entretanto leve ao lume um tachinho com o azeite e os dentes de alho descascados e cortados em rodelas. Quando o bacalhau estiver assado, faça-o em lascas e regue com o azeite quente.
  Enquanto prepara o bacalhau, corte as folhas de couve, lave-as muito bem e apare-lhes os talos. Sobreponha as folhas, enrole-as e corte-as em tiras finas. Ferva durante 5 minutos e escorra.
 Leve o azeite ao lume numa frigideira com os dentes de alho esborrachados com a pele. Entretanto esfarele muito bem o miolo de broa.
 Quando os alhos começarem a alourar, retire-os e junte a broa ao azeite. Mexa bem, adicione a couve e depois o arroz cozido.
  Sirva as migas com bacalhau assado.
  Sugestão; Se tiver a possibilidade pode assar o bacalhau na brasa, o que melhora ainda mais o gosto.

Sugestão Joana_Silva

Informática Sexta-feira, 1 de Agosto, 2008

Tendo em vista uma reformulação da página internet e consequentemente novos serviços colocados à disposição dos nossos clientes, no inicio deste mês conclui-se a transferência do dominio www.fialhoferro.com para uma nova empresa de alojamento Web.
   De destacar que a administração deste dominio é feita através do cPanel11 e roda num servidor Linux.
   O cPanel não é mais que uma interface gráfica amigável (inclusivamente em Português) que permite a um usuário gerir a sua conta de alojamento num determinado servidor com este serviço.
    É possível através do cPanel criar e gerir contas de e-mail POP3, administrar bases de dados, instalar programas CGI pré-configurados, alocar sub-domínios e muito mais numa infinidade de funções que entre as quais destacamos:
   Gerenciador de Emails; Webmail; Mudar a Senha do dominio; Domínios Parqueados; Domínios Adicionais; Gerenciador de FTP; Gerenciador de Arquivos; Backup (Cópia de Segurança); Proteção por Senha; Páginas de Erro; Subdomínios; Banco de Dados; SSH/Telnet; Redirecionamentos; Extensões do FrontPage; Registro de Acessos; Estatísticas Web/FTP; Estatísticas Subdomínio; Registro de Erros; Listar em Sistemas de Busca; Fórum/BBS; Central de CGI; Lojas Virtuais; Tarefas Agendadas:
Mais informações sobre este software em:
http://www.cpanel.net/index.htm

by Alfredo_Ferro

ENERGIAS ALTERNATIVAS Sexta-feira, 1 de Agosto, 2008

 

Na sociedade em que vivemos caminhamos a um ritmo acelerado para a destruição do nosso planeta. O ser humano consome cada vez mais, bens materiais cujas matérias-primas são não renováveis. Não há uma cultura de preservação e de poupança. É necessário que se mude rapidamente e se comece a investir mais nas energias alternativas.
No caso de Portugal, temos recursos naturais renováveis que podemos aproveitar para produzir energia, tais como o sol, o vento e a água. Somos um pais com características que nos permitem ter várias fontes de energias renováveis e não as temos aproveitado devidamente. A norte e centro temos rios e serras ventosas, no Sul temos planícies enormes com grandes índices de exposição solar, no litoral temos o mar.
O recurso que mais se utiliza é a água do leito dos rios, com as barragens. Outra fonte de energia é a produzida pelas marés. Portugal tem uma costa enorme e deveria de investir mais neste tipo de energia.
O recurso que tem tido um crescimento mais acentuado é o vento com a produção de energia eólica. Por todo o lado, nas zonas mais altas e ventosas começam-se a ver, cada vez mais, as enormes estruturas metálicas para a produção de energia éolica.
O sol é um recurso mal aproveitado. Somos um pais com um índice de exposição solar muito elevado e não o aproveitamos devidamente. Só recentemente, em 2006, foi aprovada uma legislação que obriga os novos edifícios a terem painéis fotovoltaicos. O alentejo é a zona do pais com maior exposição solar, As grandes planícies são o local ideal para a instalação de centrais como as de Mértola que tem cerca de 2000 h “úteis” de sol por ano. 
Se temos recursos que nos permitem ser menos dependentes dos outros países e melhorar o meio ambiente, porque não investir mais neles, criando mais postos de trabalho e gerando mais valias para o pais.

by Lisete_Viegas

Ricardo Reis Sexta-feira, 1 de Agosto, 2008

Cada dia sem gozo não foi teu
(dia em que não gozes não foi teu):
Foi só durares nele. Quanto vivas
sem que o gozes, não vives.

Não pesa que amas, bebas ou sorrias:
basta o reflexo do solido na água
de um charco, se te é grato.

Feliz o a quem, por ter em coisas minimas seu prazer posto, nenhum dia nega
A natural ventura!~

by Patricia_Carvalho

A Crise Sexta-feira, 1 de Agosto, 2008

Ela está ai!
Não é de agora. É ancestral.
á os Romanos, aquando da invasão da Península no regresso a Roma diziam que: “Na ponta da Ibéria havia uns tais de “Lusitanos” que não se governavam nem se deixavam governar”.
A crise é genética. Genética de incultura e de “chico-espertice”.
Ludibriar o Estado, economia paralela, fugir a responsabilidades é sinonimo de saber viver.
Minorias étnicas, xenofobia, racismo, é uma realidade! Todavia uma realidade que se faz sentir sobre nós Portugueses contribuintes. Contribuintes sobre quem pesa descriminação da máquina do Estado mal gerida e servida por “Boys” em parte mal formados ou com ambição desmedida de agradar ao chefe. E é sobre o cidadão cumpridor que gostam de “malhar”.
Venham eles. 
É vê-los fugir aos impostos. 
É vê-los fugir das cadeias. 
É vê-los meter as “cunhas”.
É vê-los passar férias, idas ao estrangeiro, com a ostentação de que o dinheiro do contribuinte só serve para “Eles” esbanjarem.

 
 
 
 
 
 

ir para a home do blog enviar email ir para página anterior ir para página seguinte
copyright 2003-2009 © FialhoFerro - Publicidade, Expositores, Representações, Lda.   | webmaster@fialhoferro.com   | v.2.2.0
blog.fialhoferro.com criado com WordPress, RSS Artigos e RSS Comentários.